Expedição Monte Roraima - 8 dias de trekking

Salvem mochileiros e trilheiros, segue abaixo um breve relato desta expedição, inesquecível e mágica.

As fotos podem ser encontradas no meu perfil do instagram @bmarreiroRJ

Qualquer dúvida podem me perguntar por lá também.

Bons Ventos a todos.

Expedição Monte Roraima (dia 01)

Saímos de Santa Elena com destino à comunidade indígena de Paraitepuy, onde iniciamos a nossa caminhada plana de 16 km até o acampamento Kukenan. Os mosquitos puri puri brindaram nossa chegada com open bar no primeiro dia da expedição. Obs: tive a escovada de dentes mais incrível da minha vida, na margem do rio Kukenan repleto de vagalumes e estrelas.

Expedição Monte Roraima (dia 02)

Após uma noite bastante chuvosa, acordamos cedo e conhecemos a arepa delícia do café de nossa expedição. Na sequência partimos rumo ao acampamento base via 8 km de trilha moderada. Tivemos o nosso primeiro contato visual com o Monte sem nuvens ao entardecer e comemoramos com o tradicional combo do Juan: pipoca, sueca e chocolate quente.

Expedição Monte Roraima (dia 03)

O acampamento base foi despertado com um belo arco-íris em pleno Monte Kukenán, uma contemplação importante para o dia mais intenso de subida, com trechos de inclinação em 75°, além do conhecido "paso de las lágrimas", íngreme, escorregadio, pedregoso e batizado logo abaixo de uma cachoeira, porém este "paso" é mais fácil do que aparenta. Tivemos o nosso primeiro contato com o paredão e logo depois topo do Monte Roraima, felicidade e Bons Ventos a todos da expedição após 11km de trekking no dia. Dormimos no "hotel" principal com direito ao banho na jacuzzi do Roraima.

Expedição Monte Roraima (dia 04)

Dia de atravessar e explorar a grande mesa tepuy do Roraima, uma travessia entre pedras com 14km de sobe, desce e escorrega. Saímos do hotel principal logo cedo com passagens pelo Fosso e Tríplice Fronteira (Brasil x Venezuela x Guiana), pernoitando no melhor camping da expedição, o Hotel Coati.

Expedição Monte Roraima (dia 05)

Acordamos motivados para o único dia da expedição sem o peso da mochila cargueira, foi um passeio no topo do Mundo Perdido de aproximadamente 13km. Conhecemos o Lago Gladys e, graças ao Juan Rei do Tempo, os mirantes da Proa e Roraiminha. Pernoitamos novamente no Coati com direito a mesa de bate-papo sobre o Canaimé do Roraima.

Expedição Monte Roraima (dia 6)

Terceiro dia de expedição no topo do Roraima onde parte da equipe madrugou para ver o nascer do sol, incrível. Voltamos ao acampamento para resgatar a cargueira e seguirmos por mais 12km pela formação geológica mais antiga do planeta. Pernoitamos no Hotel Sucre, e como chegamos com tempo, subimos de havaianas mesmo em um mirante próximo.

Expedição Monte Roraima (dia 7)

Dia de levantar e fazer o ponto culminante do Monte Roraima, 8º Pico mais alto do Brasil com 2.734 metros de altitude. Na sequência é descer ladeira abaixo por 15km pelo caminho acumulado de dois dias na subida (joelho Go), passando pelo Vale dos Cristais, paso de las lágrimas mais escorregadio do que nunca, almoço no acampamento base, e pernoite no acampamento Tek, após a aguardada cerveza fria do penúltimo dia de expedição.

Expedição Monte Roraima (dia 8)

Encerramos a expedição com 102km traçados em nossas almas e brindada com cerveja ultra gelada na comunidade de Paraitepuy. Um agradecimento especial ao guia de montanha Juan Pablo Perez e toda a sua equipe especializada, que mantiveram a excelência e carinho em nosso serviço mesmo vivendo uma situação de grande crise na Venezuela e fronteira. Agradeço também aos demais 13 montanhistas que fizeram deste projeto uma sonho possível e incrível. Sem vocês não seria a mesma coisa. Que venha a próxima, Bons Ventos a todos!

Onde fica

Parque Nacional Canaíma, Tríplice Fronteira - Brasil - Venezuela - Guiana

Trace sua rota até lá

Monte Roraima
Monte Roraima

Essa página foi últil para você?

(nenhuma avaliação)

Compartilhe