A depressão bateu à minha porta e eu resisti

Três meses tinham se passado desde o fim do meu noivado. Foram dias muito difíceis pra mim. Eu não conseguia esboçar felicidade em nenhum instante.

Foi quando uma velha amiga me convidou para fazer uma trilha. Eu não estava nem um pouco a fim, mas também não tinha nada a perder. Aceitei o convite.

No início foi um pouco estranho. Eu não tinha o costume de acordar tão cedo e ver o dia raiando e o sol nascendo da estrada.

Pra falar a verdade, foi difícil acostumar. Eu estava saindo literalmente da minha zona de conforto. Mas mesmo assim uma voz falava baixinho no meu ouvido pra eu continuar.

Aos poucos fui percebendo que aquilo me fazia bem. Cada trilha era uma nova página da história da minha vida.

Era tão bom encontrar uma turma alegre para fazer algo tão gostoso. As piadinhas, a gargalhada no meio da trilha. A mão amiga que sempre chegava na hora certa para ajudar.

Bendita seja a minha amiga que me tirou do fundo do abismo e me mostrou um lindo horizonte.

A depressão bateu à minha porta e eu resisti. Hoje consigo sorrir.

Meu grupo de amigas vive me perguntando quando será a próxima trilha. Consegui encontrar uma forma de prazer que não conhecia.

Hoje sigo feliz.

Essa página foi últil para você?

(nenhuma avaliação)

Compartilhe

Deixe seu comentário

XFECHAR
Top
Thiago HD
Tem dúvida?